1. text

    Anonymous asked: eu adoraria comprar o nome do seu tumblr, esta a venda?

    Não uso mais o blog mesmo, estava até pensando em deletá-lo. Posso ceder o nome a você. :)

  2. text

    Demorou, mas eu voltei.

    Voltei pra reclamar mais um pouco, galera. Como ninguém aqui sabe quem eu sou, então eu posso falar literalmente tudo que eu sinto, sem medos de alguém se chatear ou ficar magoado comigo. Pois é, 2011 começou bem e mal. Vi meu namorado mais vezes essa semana, mas especificamente hoje, ele tava meio estranho. A mãe a avó ficaram perturbando ele e, logicamente, ele ficou meio perturbado. Passou o dia todo com cara de paisagem e quer arrumar um emprego pra ver se a família para de perturbá-lo. Eu devia ficar feliz? Sim. Se eu tô feliz? Não. Eu sempre fico pensando que vai faltar tempo pra gente se ver e eu sei que isso é extremamente egoísta da minha parte e eu fico mal por ser tão egoísta. Claro que a gente teria mais dinheiro pra sair, mas menos disponibilidade de se ver e eu tenho tanto medo que isso estrague o nosso namoro.. *suspiros* Esse papo de hoje também me fez pensar em algo que eu não queria. Eu também tenho que arrumar um emprego. Meu pai  tem idade e já não tem saúde. Minha mãe tá com um nódulo no seio e vai fazer biópsia.. preciso dizer que tô com medo do que seja? Eu fico pensando milhares de coisas e minha cabeça fica a mil, e a única coisa que eu tenho vontade de fazer é chorar. As vezes me bate uma força do nada e eu começo a pensar “Vai ficar tudo bem.”, mas essa força vai embora com a mesma rapidez que ela vem. Eu tenho medo de ficar sem a minha mãe e o meu pai, porque além de órfã e sozinha no mundo, eu estaria ferrada, pra não dizer fodida. Eu tenho quase 19 anos, faço faculdade particular, curso de conversação de inglês e francês e dependo financeiramente deles pra tudo. Eu realmente tinha que arrumar um emprego, mas eu sou extremamente acomodada. Eu não quero acabar com o meu conforto, é claro. Não quero não ter tempo pra sair com meu namorado e morro de medo de arrumar um trabalho e acabar com meu tempo pra estudar e minhas notas caírem consideravelmente. Sinceramente, eu não sei o que fazer. Tenho medo dessa pindaíba constante acabar com meu namoro também. Tem outra coisa que vem me incomodando também. Eu me sinto tão babaca falando isso, mas vamo lá. Antigamente, meu namorado falava mais comigo. Mandava mensagens, me ligava, entrava no MSN/Skype a gente se falava o dia todo.. mas hoje em dia ele passa o dia todo pra dar notícias, mal responde ligações, sms, demora horas pra entrar no computador e quando entra demora milênios pra me responder. Não acho que ele tenha deixado de gostar de mim ou que goste menos, mas é que quando ele tá comigo ele parece tão atencioso e carinhoso, mas quando ele tá longe, sei lá.. parece tão.. indiferente, não sei. Isso definitivamente me incomoda, mas eu não sei como chegar e falar isso pra ele.. tenho medo que ele fique chateado/magoado comigo e acabe dando uma merda igual a que deu da outra vez. Ao invés de falar diretamente, eu dou algumas indiretas, na esperança de que ele me entenda.. enfim. E hoje ele ia desmarcar de sair comigo em cima de hora de eu sair de casa (por um motivo pessoal), mas não fez porque quando ele me ligou eu já tinha saído. Ele já fez isso uma ou duas vezes e eu odeio. Pra finalizar, minha prova prática do DETRAN foi marcada. Tô tensa com isso porque vai ser minha última chance de tirar a carteira. As vezes eu acho que vou passar, as vezes eu acho que não, mas.. como a esperança é a última que morre.. P.S.: meu fone tá dando problema e me irritando absurdamente.

  3. text

    Minha sogra é uma vaca.

  4. text

    Melhor.

    É, tô melhor.

    Tudo começou ontem por causa de um desentendimento com o meu namorado (eu não cheguei e explicar isso aqui). Eu tava chateada, ele tava chateado e passando mal; começamos a conversar no Skype, e bom, não deu muito certo.. não foi uma briga briga, mas ele foi meio grosso comigo e eu, obviamente, fiquei sentida e comecei a chorar (não disse isso a ele). Ele até tentou consertar as coisas, mas eu não tava no clima. Ele não foi tão grosso assim, mas eu fiquei tão chocada na hora que não consegui pensar direito e preferi dar o assunto como encerrado na hora. Chorei litros e passei o dia inteiro mal. Dei uma volta com minhas amigas no shopping hoje à tarde, rimos, e eu até cheguei a ficar feliz por um momento, mas foi passageiro. Cheguei em casa, voltamos a conversar. Depois de algum tempo de conversa, voltamos a ficar bem, para o meu alívio. Ele tinha me entendido mal, eu tinha entendido ele mal, enfim, foi uma desgraça, mas no fundo, resolvemos relevar.. eu, por causa do que ele sempre foi comigo - carinhoso ao extremo, atencioso, o melhor namorado que alguém poderia ter - e esse foi o primeiro deslize comigo. Até porque eu sei que eu definitivamente não sou a pessoa mais fácil do mundo.

    Enfim galera, amanhã é 2011. Nem acredito nisso, de verdade. 2010 passou tão rápido e eu confesso que eu não tô animada pro ano novo; por algum motivo, eu tô com um certo medo de 2011. Provavelmente é porque tá todo mundo dizendo que minhas aulas na faculdade vão começar em fevereiro, e, sinceramente, isso quase chega a me deprimir. Hahaha. Acho que é isso.. deve ser. E eu também tenho medo de, em janeiro, não conseguir ver meu namorado tanto quanto eu queria, e isso acabar fazendo a gente se desentender de novo, ou, mesmo que a gente não se desentenda (de preferência), que isso acabe me deixando mal - o que também é ruim.

  5. text

    Alguem me faz..

    .. sumir, por favor.

  6. text
    Porque eu ainda me surpreendo das coisas terem dado errado? Melhor, não me surpreendo, mas me frustro. É foda!

    Porque eu ainda me surpreendo das coisas terem dado errado? Melhor, não me surpreendo, mas me frustro. É foda!

  7. text

    Acho que me resolvi..

    Decidi pelo lado mais perigoso e só estou esperando a oportunidade de tentar.. desejem-me sorte. :X Espero não ferrar nenhum lado (dos dois que eu tenho) pra conseguir o que eu quero.. *suspiros*

  8. text

    :/

    Dilema maldito que só me deixa angustiada.. :(

  9. text

    Sempre assim.

    É tudo sempre assim. Eu nunca posso ficar feliz demais que acabo tomando uma rasteira, já devia, no mínimo, ter ficado acostumada. Mas eu não consigo, fazer o que?

    O dia hoje teria sido ótimo.. foi bom, depois ficou meio ruim, porém suportável. O ruim é quando você descobre que as pessoas que você acha que pensam exatamente como você (e você fica feliz por isso, porque não se sente sozinho naquela linha de raciocínio) acabam pensando diferente. Não exatamente isso, quando você espera que elas tenham uma atitude e elas têm outra diferente. Aí você se decepciona e chora. Pelo menos eu choro.

    Tô sentindo um buraco agora e não tenho com quem compartilhar, até porque eu não faço a menor ideia se eu tô sendo idiota por me importar com isso ou não, então eu prefiro chorar pra mim. E pra vocês, que não sabem quem eu sou.

About

"Complicada e perfeitinha.." ♫

Search

People I follow